Notícias

Oferta de emprego vinda de Espanha em queda livre

A oferta de emprego que, até há pouco, arrastava trabalhadores lusos da construção civil para Espanha está em queda.

E, neste momento, as empresas portuguesas subcontratadas estão obrigadas pelo país vizinho a fazer o Registo de Empresas Acreditadas (REA).

Read more...

Número de imigrantes sem emprego subiu 50%

São mais de 36 mil os desempregados estrangeiros. A taxa de incidência é de 16%.

O número de desempregados estrangeiros inscritos nos centros de emprego em Portugal aumentou 50,5% em 2009 face ao ano anterior, totalizando as 36 442 pessoas. Até Dezembro, inscreveram-se mais 12 239 estrangeiros do que há um ano, de acordo com os dados do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP). A agência Lusa estima que, deste total, 34,1% não recebem qualquer apoio da Segurança Social.

Read more...

Consumidores cada vez menos confiantes sobre perspectivas de emprego

O indicador de confiança dos consumidores diminuiu ligeiramente em Novembro, contrariando o acentuado movimento ascendente iniciado em Abril, depois de ter atingido em Março o valor mais baixo da série, anunciou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Read more...

Governo anuncia novos apoios ao emprego mas reduz despesa pública prevista

O Executivo prevê que o plano de apoio à manutenção e criação de emprego em 2010 possa chegar a 760 mil pessoas

Como o reforço de algumas medidas, a apresentação de novos tipos de apoios e a redução da ambição no custo global da ajuda pública, o Governo confirmou ontem o prolongamento por mais um ano do plano anticrise na área do emprego.

Read more...

Cinco mil licenciados com estágios de 900 euros

Ministérios, hospitais e institutos vão dar estágios anuais a cinco mil jovens licenciados já no  primeiro semestre de 2010. Passam a ganhar "pouco mais de 900 euros", diz Teixeira dos Santos.

Read more...

Operários 'invadem' Centro de Emprego da Guarda

O Centro de Emprego e Formação Profissional (CEFP) da Guarda começou ontem a receber os primeiros desempregados da fábrica Delphi local, que procuram novo emprego.

A 31 de Dezembro, 315 trabalhadores, despedidos da fábrica da Guarda que produz cablagens para a indústria automóvel, perderam o vínculo com a unidade fabril.

Read more...

Delphi de Ponte de Sor fecha no fim do ano

430 vão perder emprego

A unidade de Ponte de Sor da Delphi vai fechar portas no dia 31 de Dezembro, colocando no desemprego cerca de 430 trabalhadores.

A decisão foi tomada após uma reunião de cerca de 45 minutos entre a administração da empresa e os sindicatos, que decorrreu na sede da Delphi em Lisboa.

O sindicalista Delfim Mendes disse à Antena 1 que não houve condições para a apresentação de qualquer proposta por parte da administração, nem “alternativas” que assegurassem os postos de trabalho, o que levou a que se avançasse com o despedimento colectivo.

Desempregados eliminados dos ficheiros dos Centros de Emprego

O desemprego registado divulgado mensalmente pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) não inclui a totalidade dos desempregados, pois não abrange os desempregados que não tomaram a iniciativa de se inscreverem nos Centros de Emprego. E há muitos desempregados nesta situação. Mesmo assim o IEFP procura reduzir todos os meses os números do desemprego registado, eliminando milhares de desempregados dos ficheiros dos Centros de Emprego para assim reduzir a gravidade da situação aos olhos da opinião pública e justificar a falta de medidas.

Foi isso o que aconteceu em Novembro de 2009, como vamos provar utilizando dados divulgados também pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional.

Read more...

Um quarto dos portugueses teme perder em breve o emprego

Acha que existe o risco (alto ou moderado) de nos próximos 12 meses não conseguir pagar as contas normais e a alimentação? Um em cada três portugueses acredita que sim. Um em cada dez considera até que é de algum modo possível ter de abandonar a casa onde vive. E 20 por cento confessam que não estão muito confiantes na manutenção do emprego que têm. Quase seis por cento vão mais longe: não estão nada confiantes; acham mesmo que vão deixar de ter trabalho no próximo ano.

Read more...